AVALIAÇÃO ECONÔMICA DA OPERAÇÃO DE PLANTIO MECANIZADO DE EUCALIPTO EM DOIS DIFERENTES ESPAÇAMENTOS

  • Rafael Ribeiro Soler Faculdade de Ciências Agronômicas - Universidade Estadual Paulista http://orcid.org/0000-0002-8108-9662
  • Saulo Philipe Sebastião Guerra Faculdade de Ciências Agronômicas - Universidade Estadual Paulista
  • Maura Seiko Tsutui Esperancini Faculdade de Ciências Agronômicas - Universidade Estadual Paulista
  • Guilherme Corrêa Sereghetti CAA Tecnologia da Informação http://orcid.org/0000-0003-0866-033X
  • Guilherme Oguri Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais

Resumo

AVALIAÇÃO ECONÔMICA DA OPERAÇÃO DE PLANTIO MECANIZADO DE EUCALIPTO EM DOIS DIFERENTES ESPAÇAMENTOS

 

RAFAEL RIBEIRO SOLER1, SAULO PHILIPE SEBASTIÃO GUERRA2, MAURA SEIKO TSUTUI ESPERANCINI3, GUILHERME CORRÊA SEREGHETTI4, GUILHERME OGURI5

 

1 Departamento de Engenharia Rural e Socioeconomia, Faculdade de Ciências Agronômicas/UNESP, Av. Universitária, 3780, Altos do Paraíso, 18610-034, Botucatu/SP, rrsoler22@hotmail.com.

2 Departamento de Engenharia Rural e Socioeconomia, Faculdade de Ciências Agronômicas/UNESP, Av. Universitária, 3780, Altos do Paraíso, 18610-034, Botucatu/SP, saulo.guerra@unesp.br.

3 Departamento de Engenharia Rural e Socioeconomia, Faculdade de Ciências Agronômicas/UNESP, Av. Universitária, 3780, Altos do Paraíso, 18610-034, Botucatu/SP, maura.seiko@unesp.br.

4 Caacatu Florestal e Ambiental, Rua Manoel da Silva, 280, Vila Carmelo, 18609-500, Botucatu/SP, gcsereghetti@hotmail.com

5 Programa Cooperativo sobre Mecanização e Automação Florestal, Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais, Via Comendador Pedro Morganti, 3500, Bairro Monte Alegre, 13415-000, Piracicaba/SP, guilherme@ipef.br.

 

RESUMO: O presente trabalho objetivou analisar os custos com a operação de plantio mecanizado adotando dois diferentes espaçamentos de um Sistema Florestal de Curta Rotação. O conjunto plantador constituiu-se de um cabeçote do modelo Bracke Planter P11a e uma escavadora hidráulica do modelo 200D LC. A área foi dividida segundo o espaçamento entre os locais de plantio das mudas, sendo 3 x 1 m para o Tratamento 1 e 3 x 1,5 m para o Tratamento 2. Utilizou-se a metodologia de movimentos e tempos para aferir o dispêndio de tempo para cada ciclo de plantio, além de se calcular o rendimento operacional. A partir destes dados, utilizou-se a metodologia da ASABE para estimar os custos da operação. Os rendimentos operacionais obtidos foram de 0,106 ha h-1 para o T1 e 0,146 ha h-1 para o T2, e custos operacionais de R$ 496,76 h-1 e de R$ 372,03 h-1, respectivamente.  O menor espaçamento entre plantas acarreta maior custo por hectare e por hora, além do que, o melhor cenário econômico com o plantio mecanizado ainda é mais custoso do que os sistemas manuais e semimecanizados atualmente utilizados para a implantação de florestas no Brasil, de acordo com os estudos disponíveis na bibliografia.

 

Palavras-chaves: mecanização florestal, silvicultura, rendimento operacional, custo

 

ECONOMIC EVALUATION OF MECHANIZED PLANTATION OPERATION OF EUCALYPTUS WITH TWO DIFFERENT SPACING

 

ABSTRACT: The present study aimed to analyze the costs in mechanized plantation operation adopting two different spacing of a Short Rotation Forest System. The planter set consisted of an equipment of Bracke Planter P11a model and a hydraulic excavator of the 200D LC model. The area was divided according to the spacing between the seedling planting sites, 3 x 1 m for Treatment 1 and 3 x 1.5 m for Treatment 2. The methodology of motion and times was used to measure the expenditure of time for each planting cycle, in addition to calculating operating yield. From these data, the ASABE methodology was used to estimate the costs of the operation. The operational yields obtained were 0.106 ha h-1 for T1 and 0.146 ha h-1 for T2, and operating costs of R $ 496.76 h-1 and R $ 372.03 h-1, respectively. The smaller spacing between plants leads to a higher cost per hectare and per hour, in addition, the better economic scenario with mechanized planting is still more expensive than manual and semi-mechanized systems currently used for reforestation in Brazil, according to the studies available in the bibliography.

 

Keywords: forestry mechanization, silviculture, yield, cost.

Biografia do Autor

Rafael Ribeiro Soler, Faculdade de Ciências Agronômicas - Universidade Estadual Paulista
Departamento de Economia, Sociologia e Tecnologia;
Laboratório Agroflorestal de Biomassa e Bioenergia
Saulo Philipe Sebastião Guerra, Faculdade de Ciências Agronômicas - Universidade Estadual Paulista
Departamento de Economia, Sociologia e Tecnologia;
Laboratório Agroflorestal de Biomassa e Bioenergia
Maura Seiko Tsutui Esperancini, Faculdade de Ciências Agronômicas - Universidade Estadual Paulista

Departamento de Economia, Sociologia e Tecnologia

Guilherme Corrêa Sereghetti, CAA Tecnologia da Informação
Engenheiro Florestal
Guilherme Oguri, Instituto de Pesquisas e Estudos Florestais
Programa Cooperativo sobre Mecanização e Automação Florestal
Publicado
2019-12-05
Seção
Automação e Otimização de Máquinas e Equipamentos Agrícolas