CRESCIMENTO DO MELOEIRO EM SUBSTRATO DE FIBRA DE COCO COM SOLUÇÃO NUTRITIVA SALINA

Autores

  • Nildo Silva Dias UFERSA
  • Vilauba Sobreira Palácio UFERSA
  • Karidja Carlos Moura Universidade Federal Rural do Semi-Árido
  • Osvaldo Nogueira Sousa Neto UFERSA

DOI:

https://doi.org/10.15809/irriga.2015v20n1p01

Resumo

CRESCIMENTO DO MELOEIRO EM SUBSTRATO DE FIBRA DE COCO COM SOLUÇÃO NUTRITIVA SALINA

 

 

NILDO DA SILVA DIAS1; VILAUBA SOBREIRA PALÁCIO2; KARIDJA KALLIANY CARLOS DE FREITAS MOURA1 E OSVALDO NOGUEIRA SOUSA NETO3

 

1Departamento de Ciências Ambientais e Tecnológica (Setor Solos), Universidade Federal Rural do Semi-Árido – UFERSA. C.P. 136 – 59625 – 900, Mossoró, RN, nildo@ufersa.edu.br/karidja@ig.com.br/karidja@ufersa.edu.br/

 2Instituto Federal do Iguatu,Rodovia Iguatu-Várzea Alegre, km 05 Vila Cajazeiras. vilaubasobreira@hotmail.com

3Departamento de Engenharia de Biossistemas (LEB), Avenida Pádua Dias, 11 - Piracicaba/SP - CEP 13418-900, sousaneto@usp.br

 

 

1 RESUMO

 

O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da aplicação de diferentes concentrações de solução nutritiva no crescimento do melão rendilhado (Cucumis melo L., cultivar Nécta) cultivados em substrato de fibra de coco, na região de Mossoró-RN. O ensaio foi conduzido em delineamento experimental em blocos casualizados, com quatro repetições, sendo avaliados os efeitos de cinco concentrações de solução nutritiva (1,25; 1,43; 1,86; 2,96 e 4,86 dS m-1). O crescimento do melão foi influenciado pelos níveis de salinidade da solução nutritiva, sendo a salinidade limiar da cultura estimada em 3,62 dS m-1. Os efeitos da salinidade sobre o crescimento foram mais severos durante o desenvolvimento vegetativo inicial. As maiores quantidades de fitomassa seca da parte aérea na folha e no caule foram obtidas na concentração 3,4 dS m-1. Com relação as médias de altura de plantas e número de folhas do meloeiro cultivado em fibra de coco, os maiores valores foram obtidos quando as plantas foram nutridas com solução de concentrações entre 3 e 5 dS m-1.

 

Palavras-chave: Cucumis melo L, melão rendilhado, fertirrigação.

 

 

DIAS, N. da S.1; PALÁCIO, V. S.; MOURA, K. K. C. de F. ; SOUSA NETO, O. N.

GROWTH OF MELON PLANTS IN COCONUT SALINE NUTRIENT SOLUTION

 

 

2 ABSTRACT

 

The objective of this study was to evaluate the effects of different concentrations of nutrient solution on the growth of net melon (Cucumis melo L., Necta cultivar) grown in coconut fiber substrate in the region of Mossoró-RN. The experiment was conducted using an experimental design of randomized blocks with four replicates, and five concentrations of nutrient solution (1.25; 1.43; 1.86; 2.96 and  4.86 dS m-1). Melon growth was affected by salinity levels of the  nutrient solution, being the threshold value of crop salinity estimated to be 3.62 dS m-1. Effects of salinity on growth were more severe during initial vegetative development. The greatest amount of dry phytomass of shoots in the leaf and stem was obtained at 3.4 dS m-1 concentration. Regarding means of plant height   and number of leaves of the melon plant grown in coconut fiber, the highest values were obtained when plants received nutrient solution between 3 and 5 dS m-1 concentrations.  

 

Keywords: Cucumis melo L, net melon, fertigation.

 

Biografia do Autor

Nildo Silva Dias, UFERSA

Departamento de Ciências Ambientais e Tecnológica (Setor Solos), Universidade Federal Rural do Semi-Árido – UFERSA.

Vilauba Sobreira Palácio, UFERSA

Departamento de Ciências Ambientais e Tecnológica (Setor Solos), Universidade Federal Rural do Semi-Árido – UFERSA.

Karidja Carlos Moura, Universidade Federal Rural do Semi-Árido

Departamento de Ciências Ambientais e Tecnológica (Setor Solos), Universidade Federal Rural do Semi-Árido – UFERSA.

Osvaldo Nogueira Sousa Neto, UFERSA

Departamento de Ciências Ambientais e Tecnológica (Setor Solos), Universidade Federal Rural do Semi-Árido – UFERSA.

Downloads

Publicado

2015-02-10

Como Citar

DIAS, N. S.; PALÁCIO, V. S.; MOURA, K. C.; SOUSA NETO, O. N. CRESCIMENTO DO MELOEIRO EM SUBSTRATO DE FIBRA DE COCO COM SOLUÇÃO NUTRITIVA SALINA. IRRIGA, [S. l.], v. 20, n. 1, p. 01–12, 2015. DOI: 10.15809/irriga.2015v20n1p01. Disponível em: https://revistas.fca.unesp.br/index.php/irriga/article/view/662. Acesso em: 28 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos