BALANÇO HÍDRICO E ESTIMATIVA DO CONSUMO RELATIVO DE ÁGUA DA CULTURA DA CANA-DE-AÇÚCAR NA REGIÃO NOROESTE PAULISTA¹

Regiane de Carvalho Bispo, Fernando Braz Tangerino Hernandez, Antônio Heriberto de Castro Teixeira

Resumo


BALANÇO HÍDRICO E ESTIMATIVA DO CONSUMO RELATIVO DE ÁGUA DA CULTURA DA CANA-DE-AÇÚCAR NA REGIÃO NOROESTE PAULISTA¹

 

 

REGIANE DE CARVALHO BISPO2; FERNANDO BRAZ TANGERINO HERNANDEZ3 E ANTÔNIO HERIBERTO DE CASTRO TEIXEIRA4

 

[1] Apoio financeiro da FAPESP Processo 2.009/52.467-4.

2 Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Irrigação e Drenagem, Universidade Estadual Paulista “Júlio Mesquita Filho” - UNESP/FCA, Rua José Barbosa de Barros, 1780, Botucatu, SP. E-mail: regianecarvalhoks@gmail.com

3 Professor Titular, Departamento de Fitossanidade, Engenharia Rural e Solos, Universidade Estadual Paulista “Júlio Mesquita Filho”- UNESP, Ilha Solteira, SP. E-mail: fbthtang@agr.feis.unesp.br

4 Pesquisador, Embrapa Monitoramento por Satélite, Campinas, SP. E-mail: heriberto.teixeira@embrapa.br

 

 

1 RESUMO

 

O presente trabalho teve como objetivo determinar o balanço hídrico e estimar o consumo relativo de água para a cultura da cana-de-açúcar nas diferentes fases fenológica, para o município de Sud Mennucci, visando fornecer informações úteis aos estudos de zoneamentos agroclimáticos e definição de época de menor risco para a produção dessa cultura. Os dados utilizados no estudo corresponderam ao período de 2012 a 2016, sendo calculados o balanço hídrico sequencial mensal e o balanço hídrico normal mensal, ambos utilizando a capacidade de armazenamento de água disponível no solo (CAD) de 60 mm. O Índice de Satisfação das Necessidades de Água para a cultura (ISNA), definido como a relação entre a evapotranspiração real e a evapotranspiração máxima (ETr/ETm) foi utilizado como critério na definição das fases fenológicas favorável para o cultivo. Os resultados obtidos indicam que, nas fases de perfilhamento e crescimento de colmos e nos meses entre julho e outubro são os períodos mais críticos com relação à deficiência hídrica, considerando a colheita realizada em maio, necessitando de reposição de água nestes períodos para evitar decréscimo da produtividade.

 

PALAVRAS-CHAVE: Evapotranspiração, deficiência hídrica, Saccharum officinarum.

 

 

BISPO, R. C.; HERNANDEZ, F. B. T; TEIXEIRA, A. H. C.

WATER BALANCE AND RELATIVE WATER CONSUMPTION OF SUGARCANE IN THE NORTHWESTERN REGION OF SÃO PAULO

 

 

2 ABSTRACT

 

The present work aims to determine the water balance and estimate the relative water consumption for sugarcane crop in the different phenological phases, in the municipality of Sud Mennucci, attempting to provide useful information to the agroclimatic zoning studies and to define the time of a lesser risk to production of this crop. The data used in the study corresponded to the period from 2012 to 2016, and both the monthly sequential water balance and the regular monthly water balance were calculated using 60 mm as soil water storage capacity (WSC). The Water Satisfaction Index for Culture (WSIC), defined as the relation between actual evapotranspiration and maximum evapotranspiration (ETr/ETm), was used as a criterion in the definition of the phenological phases favorable for cultivation. The results indicate that the tillering and stalks growth stages, and the months between July and October are the most critical periods in relation to the water deficit, considering the harvest in May, there is the need of water replacement in these periods to prevent a decrease in productivity.

 

Keywords: evapotranspiration, water deficit, Saccharum officinarum.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15809/irriga.2017v1n1p94-101

Direitos autorais 2017 IRRIGA