PLANTIO MECANIZADO DE CANA-DE-AÇÚCAR: DESEMPENHO DE TRÊS PLANTADORAS

  • Fernando Rodrigues de Amorim Universidade Estadual de Campinas
  • Marco Tulio Ospina Patino Universidade Estadual de Campinas
  • Sandra Cristina de Oliveira

Resumo

PLANTIO MECANIZADO DE CANA-DE-AÇÚCAR: DESEMPENHO DE TRÊS PLANTADORAS

 

FERNANDO RODRIGUES DE AMORIM 1, MARCO TULIO OSPINA PATINO 2, SANDRA CRISTINA DE OLIVEIRA 3

 

1 Departamento de Gestão, Desenvolvimento e Tecnologia,Universidade Estadual Paulista, (UNESP) Faculdade de Ciências e Engenharia câmpus Tupã, rua: Domingos da Costa Lopes,nº 780, Cep: 17602496, Tupã, São Paulo, Brasil. email: fernandorodriguesdeamorim@yahoo.com.br.

2 Núcleo Interno de Economia e Administração Rural, Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) (FEAGRI), Av. Cândido Rondon, 501 - Cidade Universitária, Cep:13083-875, Campinas – São Paulo,Brasil.email: marco.ospina@feagri.unicamp.br.

3Departamento de Gestão, Desenvolvimento e Tecnologia,Universidade Estadual Paulista, (UNESP) Faculdade de Ciências e Engenharia câmpus Tupã, rua: Domingos da Costa Lopes,nº 780, Cep: 17602496, Tupã, São Paulo, Brasil. email sandra.oliveira@unesp.br.

 

RESUMO:O plantio mecanizado da cana-de-açúcar aumentou nos últimos anos e embora as perspectivas fossem positivas pela redução de custo e um aproveitamento eficiente da área plantada, a insatisfação pelo desempenho e qualidade do plantio é um tema recorrente dentro do setor envolvendo produtores, acadêmicos e os fabricantes de máquinas agrícolas. O presente estudo analisou o desempenho técnico de três plantadoras de cana com sistemas de plantio diferentes. Os dados foram obtidos em áreas pertencentes a duas usinas e um fornecedor de cana-de-açúcar da região de Ribeirão Preto, com a coleta de dados sendo realizada em 90 pontos aleatórios de uma área de 45 hectares. Os resultados mostraram que a plantadora tradicional com taxa variável alcançou maior desempenho, obtendo o menor consumo de cana-de-açúcar por hectare e os melhores resultados quanto ao limite inferior e superior do número de gemas não danificadas recomendadas para os padrões do plantio mecanizado.

 

Palavras-chaves:taxa variável, consumo de muda, controle estatístico.

 

MECHANIZED PLANTING OF SUGAR CANE: TECHNICAL EFFICIENCY IN THREE PLANTER MACHINES ABSTRACT: The mechanized planting of sugarcane increased in recent years. Although the outlook was positive for cost reduction and efficient utilization of planted area, dissatisfaction with planting efficiency and quality is a recurrent theme within the sector, involving producers, academics and agricultural machine manufacturers. The present study analyzed the technical efficiency of three sugar cane planters with different planting systems. The data were obtained from demonstrations carried out in areas belonging to two factories and a supplier of sugarcane in the region of Ribeirao Preto, State of Sao Paulo, with data collection being performed at 90 random points over an area of 45 hectares. The results showed that the traditional planter with variable rate reached higher efficiency and satisfaction level, obtaining the lowest consumption of sugarcane per hectare and the best results for the minimum and the upper limit of the number of viable buds recommended for the patterns of mechanized planting. 

Keywords: variable rate, consumption ofmolt, statistical control

Biografia do Autor

Fernando Rodrigues de Amorim, Universidade Estadual de Campinas

Departamento de economia e administração rural NIEAR

Marco Tulio Ospina Patino, Universidade Estadual de Campinas

Departamento de economia e administração rural NIEAR

Publicado
2019-09-23
Seção
Automação e Otimização de Máquinas e Equipamentos Agrícolas